jueves, 11 de junio de 2009

GRAPHICS: A330-200, submarino Émeraude





Gráfico de Reuters, vía L’Express
L’Express
Ha estudiar el fondo marino, dificil misión.



Imágenes de la Fuerza Aérea Brasileña

10/06/2009 - 19h00
Nota 25 - 10.06.09
INFORMAÇÕES SOBRE AS BUSCAS DO VOO 447 DA AIR FRANCE

O Comando da Marinha e o Comando da Aeronáutica informam que o Navio Desembarque-Doca Rio de Janeiro, com efetivo de 363 militares da Marinha do Brasil, deverá integrar as operações de busca e resgate a partir do próximo dia 19. Proveniente do Haiti, o navio passará nas proximidades de Fortaleza (CE), onde receberá o reforço de dois helicópteros, um H-12 Esquilo e um H-14 Super Puma, ambos da Marinha do Brasil.

O navio Francês Mistral e o submarino Emeraude já chegaram à área de buscas e o rebocador Fairmount Expedition, contratado pelo governo da França, recebeu permissão para atracar, hoje, no porto de Natal (RN), onde irá receber equipamentos norte-americanos (sensores e sonares), que serão utilizados na busca ao Gravador de Dados do Voo AF 447 e ao Gravador de Voz da Cabine (conhecidos como “caixas pretas”).

Cabe ressaltar que essas embarcações e equipamentos estão a serviço das autoridades aeronáuticas da França, por meio de seu órgão de investigação de acidentes aéreos, o Bureau D’enquêtes et D’Analises pour la Securité de l’Aviation civile (BEA).

O trabalho destas embarcações será coordenado pelo SALVAERO e pelo SALVAMAR NE, que irão monitorar o posicionamento desses meios de maneira que não interfiram na atividade prioritária, que consiste na busca e resgate de corpos. Convém destacar que, mesmo realizando missões de naturezas distintas, essas embarcações que chegaram hoje à área de buscas deverão contribuir, sempre que oportuno, com o resgate dos corpos.

Além disso, dois investigadores do BEA , um engenheiro de estruturas da Air Bus e um engenheiro de estruturas da Air France, deverão chegar à Recife (PE), em 14 de junho.

A Fragata Constituição, da Marinha do Brasil, tem previsão de chegada para amanhã, 11 de junho, à área onde os esforços de busca estão concentrados. Nesta mesma data, a Fragata Bosísio deverá chegar a um local próximo a Fernando de Noronha, onde os 25 corpos, que se encontram a bordo, serão recolhidos pelos dois helicópteros da FAB, um H-60 Blackhawk e um H-34 Super Puma, posicionados em Fernando de Noronha.

Devido às condições meteorológicas do dia de hoje, algumas aeronaves de busca tiveram as rotas alteradas para áreas que ofereciam condições mais favoráveis para realizar as buscas visuais. As condições de mar foram satisfatórias para os navios.

CENTRO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DA MARINHA
CENTRO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DA AERONÁUTICA
Publicar un comentario en la entrada